Percurso I: Veneza + Florença + Roma Voos + comboio + 2 noites Veneza + 2 noites Florença + 3 noites Roma: preços a partir de 681 euros por pessoa em quarto duplo. Percurso II: Roma + Costa Amalfi 3 noites em Roma + voos + aluguer de carro + 5 noites Costa Amalfi: preços a partir de 730 euros por pessoa em quarto duplo. Percurso III: Roma + Sardenha Voos + 3 noites em Roma + 5 noites na Sardenha + aluguer de carro na Sardenha: preços a partir de 1.082 euros por pessoa em quarto duplo. Percurso IV: Roma + Sardenha + Córsega Voos + 3 noites em Roma + 5 noites na Sardenha + 2 noites na Córsega + aluguer de carro na Sardenha: preços a partir de 1.382 euros por pessoa em quarto duplo.

Veneza
Uma das cidades mais românticas do mundo. Cidade dos canais, das pizzas, das pastas, dos gelados, das gôndolas e da Praça de São Marcos. Cidade única e irresistível.

Florença
Mais do que uma cidade, Florença parece um museu ao ar livre. A cada esquina, a cada passo nos deparamos com um monumento único, um palácio sem igual.
Casa do David do Miguel Ângelo, cidade de museus, de esplanadas, de pontes, praças e catedrais. Cidade de toque medieval, de bairros de artesãos, de mercados ao ar livre, mercearias e ruelas.

Roma
Conhecida internacionalmente como A Cidade Eterna, Roma é uma das cidades mais bonitas da Europa. Na verdade, não existe uma única Roma, mas uma cidade com diversas facetas: imperial, republicana, barroca, medieval, renascentista e boémia. De fontes e catedrais, de bares e esplanadas. Roma do Vaticano, da Piazza Navona, da Fontana de Trevi. Roma das melhores pizzas do mundo, do Coliseu, do Panteão, das noites sem fim em Trastevere.

Amalfi, Ravelo e Positano
Amalfi mantém até hoje os traços bizantinos. Pequena vila junto ao mar, a cinquenta quilómetros de Nápoles, no sopé de grandes montanhas verdejantes, é hoje uma das mais bonitas estâncias balneares da costa italiana. Praias de mar azul-turquesa, ruelas com restaurantes típicos com cheiro a pizza, acabada de sair do forno de lenha, largos com esplanadas e geladarias, lojinhas de produtos artesanais.
330 metros acima de Amalfi, fica Ravello, uma pequena vila descrita por muitos como “o paraíso na terra”. O romantismo do local, cheio de pequenos miradouros forrados de buganvílias, deu mesmo mote a um ditado italiano que diz que “os poetas vão a Ravello para morrer”.
Na mesma costa, Positano é um dos destinos de Verão mais charmosos de Itália.
Cenário de filmes como “O talentoso Mr Ripley”, destino favorito de celebridades, artistas e aristocratas, como Jacqueline Onassis, Francis Ford Coppola, Sienna Miller e o Prémio Nobel da Literatura, John Steinbeck, Positano é bem mais que uma vila à beira-mar. Ruelas estreitas, restaurantes panorâmicos, casinhas coloridas pelas encostas, lojas “trendy”, galerias de arte, boutique hotéis. É assim a terra que o escritor Steinbeck disse um dia nem parecer bem real.
Banhada pelo Mar Mediterrâneo, com apenas cinco quilómetros de largura, foi crescendo pelas encostas, entre ruas e ruelas por onde se enfileiram esplanadas, galerias de arte, lojas ecléticas, antigos palácios transformados em pequenos hotéis de charme. Tudo isto com o mar ao fundo, e muitas buganvílias a dar cor. Comida excelente, bons vinhos e muito “limoncello”,a bebida típica da zona, à base de limão.

Sardenha
Ao largo do Mediterrâneo, entre a Córsega e Itália, respira-se beleza e glamour. Entre artistas de cinema, da música e das “Holla”s. Princesas e playboys, famílias aristocratas e top-models.
Na Costa Esmeralda, no Nordeste da ilha há décadas que os dias são feitos de muito sol e charme. De areais brancas, águas cálidas azul-turquesa, recifes de corais, vilas pequeninas de casas caiadas e resorts de luxo de moradias terracota. De iates e veleiros milionários, restaurantes gourmet, boutique hotéis e lojas das melhores griffes do mundo.

Córsega
Ao todo são 185 quilómetros de comprimento por 85 de largura, pejados de montanhas, falésias, penhascos e rochedos, baías de águas límpidas, enseadas de areia branca e corais, estradas sinuosas de curvas cénicas, aldeias de casas de pedra, caminhos de laranjeiras, areais ladeados de pinheiros, marinas cheias de iates sumptuosos e esplanadas de marisco e peixe fresco, restaurantes acolhedores em ruas estreitinhas, campanários e fortalezas.
É assim a Córsega, uma terra de coração selvagem entre a França e a Itália, quase colada à Sardenha.